Carreira: Confira quais são as profissões que mais estão em alta no país em 2022

Com a chegada da pandemia o mercado de trabalho teve que se adaptar, com o isolamento social o trabalho remoto se tornou cada vez mais presente.

E com isso novas carreiras surgiram e muitas se tornaram cada vez mais populares, principalmente as profissões ligadas a área da tecnologia.

O LinkedIn realizou uma pesquisa com a base de dados de janeiro de 2017 a julho de 2021 considerando cargos que tiveram auto crescimento na base de usuários e um aumento significativo em 2021.

Confira quais são as profissões que mais estão em alta no país, segundo o LinkedIn:

Recrutador(a) especializado(a) em tecnologia

  • Competências mais comuns: Recrutamento de TI, Entrevistas, Triagem de currículos
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Recrutamento, Recursos Humanos
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 7,3 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Analista de recursos humanos, recrutador(a), assistente administrativo
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 20,8% homens; 79,2% mulheres

Engenheiro(a) de confiabilidade de sites (Site Reliability Engineer – SRE)

  • O que faz: Avalia e otimiza a confiabilidade de sistemas com ferramentas de probabilidade e estatística. Entre suas atribuições estão o diagnóstico e o prognóstico de falhas e desenvolvimento de soluções de automação para aprimorar a usabilidade de uma plataforma.
  • Competências mais comuns: DevOps, Amazon Web Services, Docker Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Serviços Financeiros, Internet Cidades com mais contratações: São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 10,5 anos Principais cargos ocupados antes da contratação: Consultor(a) de DevOps, Engenheiro(a) de software, Engenheiro(a) de servidor Divisão por gênero de contratados em 2021: 95,1% homens; 4,9% mulheres

Engenheiro(a) de dados (Data engineer)

  • Competências mais comuns: Apache Spark, Hadoop, Hive
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Serviços Financeiros, Internet
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 9,8 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Engenheiro(a) de software, Analista de dados, Analista de Business Intelligence
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 86% homens; 14% mulheres

Especialista em cibersegurança

  • Competências mais comuns: Cibersegurança, Segurança da informação, Segurança de rede
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Serviços Financeiros, Contabilidade
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Rio de Janeiro, Osasco
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 12,2 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Analista de cibersegurança, Analista de segurança da informação, Especialista em segurança da informação
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 83,5% homens; 16,5% mulheres

Representante de desenvolvimento de negócios (Business Development Representative)

  • Competências mais comuns: Outbound Marketing, Prospecção de vendas, Vendas internas
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Software de computadores, Serviços Financeiros
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Curitiba, Florianópolis
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 5,1 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Vendedor(a), Assistente administrativo, Especialista em vendas
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 44,9% homens; 55,1% mulheres

Gestor(a) de tráfego (Traffic manager)

  • Competências mais comuns: Gestão de tráfego, Google Ads, Marketing digital
  • Setores mais comuns: Marketing & Publicidade, Tecnologia da informação & Serviços, Serviços de facilities
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 5,8 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Assistente administrativo, Analista de marketing, Vendedor(a)
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 79,8% homens; 20,2% mulheres

Engenheiro(a) de machine learning (Engenheiro de aprendizagem de máquina)

  • Competências mais comuns: Aprendizado de máquina, Aprendizagem profunda, Ciência de dados
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Serviços Financeiros, Software de computadores
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Porto Alegre, Brasília
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 4,8 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Engenheiro(a) de software, Cientista de dados, Engenheiro(a) de dados
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 85,9% homens; 14,1% mulheres

Pesquisador(a) em experiência do usuário (User Experience Researcher)

  • Competências mais comuns: Teste de usabilidade, Experiência do usuário (UX), Design thinking
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Serviços Financeiros, Internet
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 8,5 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Designer de experiência do usuário, Consultor(a) em design de produto, Estrategista de design
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 28,6% homens; 71,4% mulheres

Cientista de dados (Analista de dados, Data Science Specialist)

  • Competências mais comuns: Ciência de dados, Aprendizado de máquina, Python
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Serviços bancários, Serviços Financeiros
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Brasília, Campinas
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 7,5 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Cientista de dados, Analista de dados, Engenheiro(a) de software
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 77,2% homens; 22,8% mulheres

Analista de desenvolvimento de sistemas

  • Competências mais comuns: Scrum, AngularJS, Microsoft SQL Server
  • Setores mais comuns: Tecnologia da informação & Serviços, Software de computadores, Serviços de utilidade pública
  • Cidades com mais contratações: São Paulo, Belo Horizonte, Brasília
  • Tempo médio de experiência antes de assumir o cargo: 7 anos
  • Principais cargos ocupados antes da contratação: Analista de sistemas, Engenheiro(a) de software, Analista de desenvolvimento
  • Divisão por gênero de contratados em 2021: 83,7% homens; 16,3% mulheres

Fonte: Jornal Contábil.